Peixe matrinxã assado com batatas e recheio de verduras e calabreza

Alguns dias de férias em casa foi o suficiente para criar coragem e botar a mão na massa, mais especificamente no peixe. Já fiz este matrinxã assado algumas vezes, uma delas foi na churrasqueira, mas no forno, como este que vou explicar, ainda não tinha compartilhado a ideia aqui no blog. Ficou muito bom, veja como foi feito.

Este matrinxã não fui eu que pesquei, já faz algum tempo que não tenho tempo para fazer isso, comprei na peixaria, pronto para assar. Antes, tinha passado no supermercado para comprar os ingredientes, e como era véspera de eleição, estava repleto de vorazes consumidores. Bater com outros carrinhos de compra, empurrões, espera, não foi nada, pior foi quando cheguei no caixa, não estava passando cartão, banco fora do ar, era este aviso, depois de várias tentativas, desisti e dei um cheque. Na peixaria foi a mesma coisa. Chegando em casa, fui colocar créditos no celular da esposa, percebi que o valor tinha sido debitado da minha conta. De volta ao supermercado e peixaria resgatar meus cheques, na peixaria deu tudo certo, no supermercado como sempre uma novela até conseguir.

Mas vamos ao que interessa, assar o peixe.

Quando cheguei das compras deixei o matrinxã fora da geladeira descongelando. Este peixe que comprei já vem sem espinha, claro só fica os maiores, uma maravilha. Ainda não aprendi esta técnica, mas pretendo.

tirar espinhos do peixe matrinxã

Mas para quem quiser aprender a técnica veja este cuiabano explicando neste vídeo.

O matrinxã estava uma beleza, com uma cor de salmão.

peixe cortado sem espinho para assar

Por volta de 2 horas antes de começar assar, tempere o peixe.

Este matrinxã tem mais ou menos 1 kilo, o tempero que usei foi este de alho pronto sem sal. Prefiro colocar o sal separado do tempero, espalhando para ficar mais homogêneo.

temperando o peixe matrinxã para assar

Quando estiver faltando 1 hora a 1:20 para servir a refeição é o momento de colocar no forno, selecionei a temperatura média/ alta. Antes de levar ao forno embrulhei o peixe no papel alumínio, enquanto aguardava aquecer descasquei 3 batatas em pedaços pequenos e coloquei em volta do peixe.

Depois de aquecido coloquei o matrinxã para assar.

Enquanto estava assando cortei os temperos e ingredientes para o recheio.

ingredientes para colocar dentro do peixe assado

Para colocar dentro do peixe cortei metade de um pimentão verde e metade de um pimentão vermelho, dos médios; 1 tomate médio; cheiro verde a gosto e 5 talos e cebolinha verde.

Além disso, 7 colheres de milho, e 20 a 25 fatias de calabresa, depende do gosto. Para decorar 6 a 8 folhas de alface.

Também coloquei 200 g de vagem cozida que sobrou do almoço. Sim, reaproveitamento é sempre bom.

Quando deu 1 hora de forno, retirei e abri o papel alumínio, a parte debaixo se quiser pode deixar o papel, pois pode desmanchar o peixe na hora de retirar, coloquei dentro o milho, tomate, o pimentão, o cheiro verde e a cebolinha. A calabreza coloquei em volta do matrinxã para que também desse uma tostadinha. Deixei um pouco do tomate e do pimentão para colocar em volta do peixe no final.

Depois de mais 20 minutos a meia hora, depende muito do tamanho do peixe e da temperatura que cada forno alcança, com todos os ingredientes dentro.

Depois retirei do forno e coloquei as folhas de alface em volta para decorar e o que sobrou do tomate e pimentão.

Depois foi só saborear, o tio zibe detonou.

 

Compartilhe este Post:

Adicionar comentário